Pular para o conteúdo

Isso é muito Alô

Trabalhadores do transporte coletivo tem situação indefinida

Trabalhadores do transporte coletivo tem situação indefinida

A situação dos motoristas e cobradores do transporte coletivo em Juiz de Fora segue indefinida. O Sindicato da categoria disse que a Prefeitura não pode garantir o recebimento de direitos trabalhistas, como verbas rescisórias, para os empregados da Tusmil.

Segundo a nota do Sinttro, caso os direitos não sejam pagos, o sindicato entrará com uma ação de arresto dos bens da empresa e dos sócios para garantia dos créditos trabalhistas. O Sinttro ainda enfatiza que todos os rodoviários afetados terão os direitos defendidos por meios legais na Justiça do Trabalho, como foi feito na Gil. Além disso, sempre terão amparo do departamento jurídico do sindicato.

A Tusmil e a PJF não se posicionaram a respeito da nota do sindicato.

Foto: João Gabriel/RCWTV